Seleção brasileira e o adeus fenômeno

Ontem foi o dia da despedida do Fenômeno, Ronaldo, da seleção brasileira, foi a sua última vez vestindo a amarelinha. Ele jogou 15 minutos, teve 3 chances claras de gol, mas parou no goleiro da Romênia por duas vezes e em outra isolou a bola. E por incrível que pareça, foi o melhor momento da seleção em todo o jogo. Mas não importa se ele não fez o seu gol, ele tem crédito por todos os outros que ele fez. O maior artilheiro total da história de copas do mundo, o segundo maior artilheiro da história da seleção canarinho (atrás apenas do Rei), o jogador mais vezes eleito melhor do mundo pela FIFA (3 vezes, assim como Zidane), embaixador da ONU, o único jogador que foi ídolo nos 2 clubes de maior rivalidade em 2 países (Barcelona e Real Madrid, Inter de Milão e Milan) e, bom… Ele é o Fenômeno, ele é mais do que apenas um mero mortal, mais do que um Homo sapiens sapiens comum, ele é um Tiranossauro Rex do mundo do futebol; insubstituível. Se Pelé é rei, Ronaldo é príncipe. Mas esse post não é pra falar sobre o Ronaldo (já fiz um post destinado à sua aposentadoria: https://futeb0l.wordpress.com/2011/02/14/ronaldo-disse-basta/), e sim sobre a convocação da seleção para a Copa América. Quais seriam os meus 22 convocados? (Em itálico os titulares)

Goleiros: Júlio César (Inter de Milão) e Victor (Grêmio);

Laterais: Daniel Alves (Barça) e Marcelo (Real Madrid);

Zagueiros: Lúcio (Inter de Milão), Thiago Silva (Milan), David Luiz (Chelsea), Réver (Atlético-MG) e Dedé (Vasco);

Volantes: Sandro (Tottenham), Hernanes (Lazio), Arouca (Santos) e Ramires (Chelsea);

Meias: PH Ganso (Santos), Lucas (São Paulo), Thiago Neves (Flamengo) e Jadson (Shaktar Donetsk);

Atacantes: Neymar (Santos), Robinho (Milan), Alexandre Pato (Milan), Fred (Fluminense) e Nilmar (Villareal);

A lista do Mano Menezes é: Júlio César e Victor; Lúcio, T. Silva, David Luiz e Luisão; Sandro, Lucas Leiva (Liverpool) e Ramires; Elano, Jadson, PH Ganso, Elias e Lucas; Robinho, Neymar, Fred e Alexandre Pato.

Comentários: A minha convocação foi baseda num esquema tático 3-4-3, sem laterais, que eu tenho vontade de que seja testado na seleção brasileira. Ainda colocaria o Dani Alves e o Marcelo, que podem também ser utilizados como ótimos meias, além de talvez acontecer, no decorrer do jogo, uma mudança do esquema tático, colocando os dois como laterais mesmo. O Dedé é um zagueiro que merece chance na seleção, pois é, hoje, o melhor zagueiro atuando no Brasil, e o Luisão, para mim, não é jogador em nível de seleção brasileira. Não gosto do Elano, nunca gostei, e acho o Thiago Neves bem melhor, e colocaria o Sandro e o Arouca como volantes titulares, pois são mais defensivos do que Hernanes e Ramires, e em um time com 3 atacantes e 3 zagueiros que saem muito essa força defensiva dos volantes é importante, mas ainda assim eles são volantes que também apoiam bastante no ataque.

Bom, é isso.

~ por Raphael Mariano de Souza 7 em 08/06/2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: